CÂNCER DE MAMA

O câncer de Mama é causado pela multiplicação desordenada de células anormais da mama, formando um tumor. Em sua maioria, acomete mais mulheres, sendo apenas 1% dos homens que têm o diagnóstico de câncer de Mama.

O câncer de Mama se apresenta de várias maneiras diferentes, desta modo, o que o diferencia são as células específicas envolvidas e afetadas. 

Em sua maioria, o câncer de Mama é um carcinoma, ou seja, tumores que começam nas células que revestem os nossos órgãos e tecidos. Quando isso acontece na mama, chamamos de um nome específico: adenocarcinoma. Ele começa nas células de um ducto mamário ou nas glândulas que produzem leite. 

Se o Câncer de Mama não se disseminou, usamos a expressão in situ, significando que começou no ducto de leite e não cresceu no restante do tecido mamário. Porém, se ele invadiu o tecido mamário, dizemos que é um câncer de Mama invasivo.

As informações aqui citadas não substituem o atendimento médico. Caso você esteja com algum sintoma, procure o médico mais próximo.

Cada Câncer se manifesta de uma forma diferente, com sintomas e sinais diferentes. Após o diagnóstico, a equipe de tratamento irá avaliar o estadiamento da doença, planejando o melhor tratamento para você.

Texto escrito por Cíntia Consul.


Referências:
Oncoguia: http://www.oncoguia.org.br/
Inca: https://www.inca.gov.br/